Jornada da educação libertária de pelotas

Começou ontem, dia 17 de maio, a I Jornada Libertária de Pelotas. A Rádio Sofia está presente, com transmissões ao vivo das mesas de debates. Confira a agenda:

Dia 18/05 quarta das 14h às 17h Roda de Diálogo 2: História e pesquisa autodidata sobre a história dos Anarquistas no RS. Painel de João Batista Marçal– jornalista, radialista, escritor e pesquisador autodidata. Autor d E diversos livros de história do movimento operário: Primeiras Lutas operárias no Rio Grande do Sul (1987); Memória Histórica dos socialistas do Rio Grande do Sul (1987); Os anarquistas do Rio Grande do Sul (1995), A imprensa operária no Rio Grande do Sul (2004); Dicionário Ilustrado da Esquerda Gaúcha. Anarquistas, Comunistas, Socialistas e trabalhistas (200

Dia 19/05 quinta das 14 as 16h Eixo 3: Teorias da Educação Libertária: Ciência, questões de gênero e movimentos sociais. das 16 as 19h Eixo 4: Experiências contemporâneas de Educação Anarquista

Dia 19/05 quinta das 19h as 21h Roda de Diálogo 3: Educação Nômade e pós escolarização. Painel com Guilherme Schröder “Gui Sch” – sociólogo e mestrando em Educação na UFRGS em Filosofia da Diferença

Dia 20/05 sexta das 14h às 18h Roda de Diálogo 4: Mesa de Experiências de Espaços Autônomos de vivências e Educação Libertária – Biblioteca José Saúl – Okupa 171 ( Pelotas/RS) – Ocupação Coletiva de ArteirXs (Pelotas/RS) – Coletivo de Experimentações Libertárias -CELIBER ( Pelotas/RS) – Editora Biblioteca Terra Livre (São Paulo/SP) – Editora Deriva ( Porto Alegre/RS) -Coletivo Luneta ( Sapiranga/RS) – Violeta- Casa de Cultura Popular ( Porto Alegre/RS)

Acesse http://radiosofia.airtime.pro ou então dê play no aplicativo que se encontra em http://sofia.bolo-bolo.co e escute ao vivo.

One thought on “I Jornada da Educação Libertária de Pelotas: A Educação de Anarquistas, ontem e hoje.

  1. Sou professor na rede pública estadual em São Paulo, e tenho ingresse em conhecer um pouco mais sobre as ideias pedagógicas libertária pois, os conhecimentos disponíveis são poucos por enquanto. Vamos acompanhar atentamente as discussões.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *